Produtos Indústria de Refratários Magnésia Queimada a morte (DBM)

Informações de Produto - Magnésia Queimada a morte (DBM)

Informações

Durante a sinterização (queima) em temperaturas de 1,750-2,000° C em fornos rotativos ou verticais, o carbonato de magnésio que ocorre naturalmente é convertido em magnésia sinterizada, diretamente (processo de calcinação em etapa única) ou através da magnésia calcinada cáustica (duas etapas).

 

Baseado na falta de reatividade (por exemplo, com água, ácidos, etc.), o termo normalmente usado é Magnésia Queimada a morte (DBM).

Devido às suas propriedades isolantes e de resistência térmica, a Magnésia Queimada a morte (DBM) (assim como a magnésia eletrofundida) é adequada especialmente para a produção de produtos refratários da mais alta qualidade. A Magnésia Queimada a morte (DBM) é um componente básico para a produção de produtos refratários moldados e não moldados; tijolos, formas pré-fabricadas, massas e argamassas para aplicação, por exemplo, em processos de produção de aço e cimento.

Além dos processos de produção baseados no carbonato de magnésio natural, também há métodos de fabricação baseados em precipitação química de água do mar ou salmoura.

Origem (local): Atualmente, os principais países de origem são:
- Brasil
- China
- Grécia
- Rússia
- Eslováquia
- Turquia
Categorias: Nosso programa de entrega inclui diferentes categorias e qualidades em termos de:
- purezas de MgO
- Composição de elementos químicos secundários
- fases minerais (forsterite, silicato dicálcico, etc.)
- Teor de ferro alto ou baixo
- Natural ou sintético
- Tamanho do cristal de periclase
- Densidade
- Tamanho do grão/granulometria
- etc.

Aplicações

Além disso, a Magnésia Queimada a morte (DBM) é usada para isolamento térmico (por exemplo, em elementos condutores aquecidos).

Contato

Possehl Erzkontor GmbH & Co. KG
Beckergrube 38-52
23552 Lübeck

Tel:  +49 - (0) 451 - 148 0
Fax:  +49 - (0) 451 - 148 355